Alexander McQueen é encontrado morto!

19:43 Tokyo Fashion Girls 0 Comentários

O estilista britânico Alexander McQueen foi encontrado morto, confirmou seu porta-voz. "Nesse momento é inapropriado comentar qualquer coisa sobre essa notícia trágica além de dizer que estamos devastados. A família de Lee [primeiro nome do estilista] pediu privacidade para lidar com esta notícia terrível. Esperamos que a imprensa respeite este pedido."
De acordo com reportagem do jornal "Daily Mail", ele teria cometido suicídio. O corpo de McQueen foi achado em sua casa, no oeste de Londres, pouco depois das 10h (horário local). Os paramédicos foram chamados, mas já encontraram o estilista morto.
Segundo a "BBC", um comunicado divulgado pela polícia de Londres afirma que a morte está sendo tratada como "não suspeita", mas uma necrópsia deve ser realizada no corpo do estilista, assim como uma investigação sobre o caso.

McQueen, 40 anos, estaria deprimido desde a semana passada, altura em que a sua mãe, Joyce, morreu. O estilista publicou uma mensagem na sua conta no Twitter após a morte da mãe, que dizia "RIP mumxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx". Alguns dias depois, McQueen acrescentaria estar a ter uma "péssima semana".

A "ovelha cor-de-rosa da família", como McQueen se auto-intitulava, por ser homossexual, nasceu em Londres a 17 de Março de 1969 e era o mais novo de seis irmãos. McQueen abandonou a escola aos 16 anos e entrou como aprendiz nos tradicionais alfaiates Anderson & Sheppard.
McQueen ia apresentar a nova colecção no próximo mês na semana da moda de Paris
Daí até se tornar num jovem designer conhecido em todo o mundo pelas suas criações arrojadas, foi um passo. Em 1996, McQueen tornou-se chefe dos designers da casa Givenchy e em 2001 passou a ser director criativo da Gucci.



McQueen ia apresentar a nova colecção no próximo mês na semana da moda de Paris.

Simultaneamente, manteve a marca Alexander McQueen, que era um dos pontos altos das semanas da moda de vários países, pelas colecções dramáticas a roçar o bizarro. No próximo mês, McQueen iria mesmo apresentar a sua nova colecção na semana da moda de Paris, e a sua presença também era aguardada na semana da moda de Londres, que começa para a semana.

A morte do estilista "bad boy", como por vezes era tratado, foi um choque para o mundo da moda. Alexandra Shulman, editora da Vogue britânica, e a estilista Vivienne Westwood já lamentaram que um artista "tão talentoso" tivesse falecido. As criações de McQueen eram das mais reputadas do mundo e eram especialmente apreciadas pelas estrelas de Hollywood, como Sandra Bullock e Lady Gaga.

Fonte: G1

Gente, tô transtornada!
Pra gente aprender que a vida não é só o glamour das passarelas, e que as relações pessoais não podem ser compradas!

R.I.P.

Luciana.

0 comentários: