Comprinhas no Japão

20:51 Tokyo Fashion Girls 0 Comentários

Oi gente!!!

Ainda estou tentando correr atrás do prejuízo e contar tudo o que eu puder sobre a viagem ao Japão!
Hoje finalmente consegui terminar de postar o vídeo onde mostro as coisinhas que eu comprei!
Fiz o vídeo com muito amor e espero que eu consiga melhorar a qualidade dos próximos!



Aqui embaixo fiz uma lista com os produtos e os preços deles em iene, não vou colocar o equivalente em reais pois a variação cambial pode mudar bastante e aí os valores podem ficar defasados (para mais ou para menos).
Alguns preços são exatos, olhei no site de todas as marcas e as que tinham o preço eu coloquei, outros que não consegui o preço direto no site eu chutei baseado no que eu me lembro que gastei por lá.

Produtos mencionados:
Base Diorskin Forever (Cor 010) - ¥6,480
Anna Sui protective BB cream (Cor 01) - ¥2,800
Maybelline pure BB mineral cushion (Cor 01) - ¥1,500
Canmake cream cheek (Cor CL08) - ¥580
Kat Von D studded kiss lipstick (Cor Moonchilde) -U$21 (full size)
Jeffree star velour liquid lipstick (Cor Weirdo) - U$18
Sleek blush by 3 (Cor CALIFORN.I.A.) - £14,99
Beauty blender original - ¥1,600
Dolly wink volume mascara (Cor preta) - ¥1,490
Imju Dejavu Lask knockout mascara - ¥1,500
MAC lipstick (Cor Diva) -R$ 73
Dolly wink eyeliner (Cor preta) - ¥1,296
NARS Radiant creamy concealer (Cor 1242) - ¥3,456
EMODA gloss e blush - Brinde na revista Jelly
D.U.P. Eyelash glue - ¥900
K palette real lasting tears tank (Cor 01) - ¥1,200
Miracle romance eye pencil - ¥1,400
Bioré UV aqua rich sunscreen - ¥1,200
Ettusais peeling milk - ¥1,300
Daiso puff & sponge detergent - ¥100
Etude House Happy essential foam - ¥1,250
Bioré marshmalow whip - ¥900
Liese smooth hair cocktail - ¥1,000
Softymo white cleansing oil - ¥1,200
Softymo speedy cleansing oil - ¥1,200
Diamond Lash Yuuki Yamamoto (Aurora eye) - ¥1,500
Diamond Lash Mai MIyagi (Little eye) - ¥1,500
Utena SO hyaluronic acid - ¥810
Linda color care shampoo -¥1,000
Tsubaki volume touch treatment - ¥832
Oshima camelia oil -¥1,600
Lush I love juicy shampoo -¥950
Lush American cream -¥950
Lush Superbalm -¥2,250
Lush Roots -¥1,940
Lush Soak and float soap bar - ¥980

Espero que tenham gostado e até a próxima!

0 comentários:

Lulu around the world - Japão [Dia 2 - Tóquio]

20:31 Tokyo Fashion Girls 0 Comentários

Oi gente!

Agora sim começa a diversão!
No dia 2 eu planejei de irmos em um local mais próximo do apartamento porque eu sei que a gente estaria cansada, se acostumando com o clima e tal.
O que eu tinha planejado era:

09:30 - Entrada no parque Shinjuku gyoen (新宿御苑) http://www.japan-guide.com/e/e3034_001.html
Entrada: ¥200
Sair de Shinjuku gyoen em direção a Shinjuku
11:00 - Shinjuku
Hanazono Shrine
Ir no Yodobashi Camera comprar eletrônicos
Ir no Bic camera (se necessário)
Almoçar no Teppannihyakudo (Kotaki Bridge Pacifica Building 3F,7-10-18, Nishishinjuku)
Ver a vista do (東京都庁, Tōkyō Tochō) - Metropolitan government building http://www.japan-guide.com/e/e3011_tocho.html
Kumano Shrine
Taito Station Shinjukuminamiguchi Game World
Isetan Shinjuku
Jantar no Dongaragasshan (Shinjuku Golden Gai G1-dori, 1-1-9 Kabukicho)

A teoria tava linda, agora vamos ver o que aconteceu na prática:


Essa é a rua principal que ficava perpendicular ao nosso bequinho, os dias no Japão são bem estranhos (pelo menos nessa época do ano), amanheciam assim com esse céu azul lindo mas no final da manhã ficava super nublado.
Fomos para a estação, nos perdemos no caminho mas achamos um kombini que virou o nosso point de compras e refeições matinais.


Esse kombini que a gente ia vende de tudo! Comida e bebida gelada, quente, revista, cosmético, guarda-chuva, era pra perder o juízo!

Corno :D

Finalmente conseguimos achar a estação e fomos para o famoso parque Shinjuku Gyoen ver as cerejeiras. Até aí éramos pessoas normais, achando legal estar no Japão e fingindo costume, mas no caminho para o parque avistamos a primeira cerejeira.


EITA GENTE É MUITA EMOÇÃO
A gente teve literalmente um ADP quando avistou essa árvore de longe e passamos MUITO tempo embaixo dela tirando fotos (nem dentro do parque ela ficava).
O mais legal é que a primeira semana que ficamos no Japão era a semana de pico das flores então todas as árvores estavam muito cheias e até os japoneses paravam para tirar fotos de tanta beleza.


Andamos mais um pouco e entramos no Shinjuku Gyoen e não tenho palavras pra descrever, só vejam essas fotos...













Affff gente ♥
Andamos muito dentro do parque e resolvemos comer antes de ir no bic camera. Paramos em um restaurante super pequenininho que tinha só um rapaz que cozinhava, atendia e recebia o dinheiro.

Lamenzinho que só eu e Luana comemos sem achar ruim

De lá fomos no Bic Camera, vemos várias coisas por lá e compramos alguns cosméticos (lá vende de tudo). A Roberta foi bem mais blogueira do que eu e filmou a viagem inteira então quando ela resolver postar esse vídeo eu coloco aqui pra vocês verem um pouco mais de como foi a viagem!


Pulamos o Hanazono shrine porque a Roberta não me ouviu e foi com um sapato de salto, antes da metade do dia o pé dela já havia sido amputado pelo tênis! Então tivemos que cortar um pouco o passeio.
Eu fui preparada para andar MUITO, tanto que levei só 2 pares de sapatos (um tênis e uma bota sem salto) e a minha havaiana maneira que nem cheguei a usar. Nesse dia a gente andou absurdamente, principalmente por falta de gerenciamento de tempo, se tivéssemos saído mais cedo teríamos ido nos locais mais próximos ao parque e só no final iríamos para o prédio do governo.
Como estava tarde e tínhamos o receio de chegar lá só depois de fechar nós resolvemos ir logo ver a vista de cima do prédio.


Gente que vista incrível, vale muito a pena visitar! De uma outra janela daria até para ver o Monte Fuji mas ele estava encoberto pela neblina da tarde japonesa.
Passamos um bom tempo lá descansando e apreciando a vista, demos um pulinho numa pracinha onde ficava o Kumano Shrine (apesar de que nem vimos o templo), comemos um sandubão e voltamos para a estação.


Eu sei que prometi fazer vlog e acreditem em mim, eu tentei, fiz uns vídeos curtinhos no aeroporto, no avião e nesse segundo dia de viagem mas não consegui dar continuidade (acho que vlog não é pra mim). O vídeo abaixo exemplifica muito bem quão ruim eu sou:


DSCLP gente!!

No final do dia voltamos a pé para a estação de Shinjuku, paramos em um game station onde joguei um simulador de gundam e a Luana fez umas comprinhas em uma F21.
Na volta erramos a entrada da estação, entramos na parte errada, não tinha saída e simplesmente pegamos o caminho de volta na catraca (que mesmo bloqueada não impede ninguém de passar). Alguns dias depois eu descobri que quando turista burro erra a entrada da estação eles devolvem o dinheiro do ticket [Escolha errada da viagem número 3].

Então é isso para o dia 2! No dia 3 viajamos para Osaka e OHHHH BOY a vida não foi fácil, fiquem ligadas!

Xxx ♥

0 comentários:

Lulu around the world - Japão [Dia 1 - Tóquio]

22:15 Tokyo Fashion Girls 0 Comentários

OLHA EU GENTEEEEE!!!

Bom, sem mais delongas apresento para vocês o diário do primeiro dia no Japão, espero que vocês curtam ler sobre esses dias maravilhosos que nós passamos lá e que isso inspire vocês a irem atrás de seus sonhos e um dia conhecer esse país maravilhoso ♥


Meu passaporte é o único diferentão :(

Saímos de Fortaleza no dia 28/03 pela manhã e chegamos no Japão no dia 30/03 às 13:00hs (horário do Japão). Como a Kim e Roberta não tem visto americano e não falam inglês eu fui muito MIGA e comprei a minha passagem indo por Dubai para fazer companhia a elas! No total pegamos:
3,5hs de vôo de Fortaleza - São Paulo
14hs de vôo de São Paulo - Dubai
12hs de vôo de Dubai - Japão

Chegamos em São Paulo perto de meio dia e nosso vôo só saía às OITO DA NOITE, então nos divertimos bastante dormindo nos bancos do aeroporto.
Incrivelmente não precisei me rivotrilizar para aguentar a viagem e até que as primeiras 14 horas passaram tranquilamente e eu dormi como um bebê (apesar de as primeiras 7 horas terem sido super turbulentas).

Nossa conexão em Dubai foi curta, umas 2-3 horas (INSHALÁ) e logo entramos no vôo pro Japão.

Estou colocando foto feia só pra ilustrar senão o post fica só com texto

O vôo de Dubai pro Japão foi o mais sofrido, já tínhamos dormido o que tinha para dormir, já estávamos há um dia na estrada e ainda nem sinal da terra do sol nascente. A comida de avião já nem descia mais e deuzulivri comprar comida em aeroporto, quando botamos os pés no Japão demorei pra acreditar que aquilo tudo tinha acabado!

O Japão tem uma alfândega esquisita, você declara o que tem, passa com as malas e o carinha encasqueta com alguma mala e pede pra abrir (No caso, encasquetou com a da Kim), mas foi tranquilo, só abrir a mala, mostrar as calcinhas pro moço e ir simbora (as outras malas nem num raio X passaram, mas com certeza devem passar em algum outro lugar).


Passamos muito rapidamente pela imigração (que encasquetou com a Kim, de novo) e fomos fazer os procedimentos de chegada ao Japão.
Quando montei meu itinerário eu considerei que assim que chegasse em Narita iríamos fazer 3 coisas:
- Trocar o rail pass
- Pegar o pupuru (Pocket wifi)
- Carregar o cartão PASMO

Acabou que só consegui trocar o rail pass em uma fila INFINITA, esse foi o momento número 1 onde eu pensei "Talvez o Japão não seja tão preparado assim para o turismo", com vôos chegando toda hora e milhares de passageiros passando pelo aeroporto eles só tem uma lojinha com 3 caixas e uma fila quilométrica que anda muito devagar. Tudo bem que não é todo mundo que compra rail pass, mas a maioria dos turistas com certeza! O processo é todo manual, você preenche o cartãozinho com seu nome e dados do passaporte, escolhe a data que o seu rail pass vai começar a funcionar e MORRE ESPERANDO NA FILA.

O Pupuru, pocket wifi que é mais barato, não aceita que faça o pedido na hora, você tem que encomendar no site e pedir ou para entregar no seu hotel ou ir buscar no aeroporto (Passei 45 minutos fazendo mímica com os atendentes para entender isso). Acabou que tive que alugar um outro pocket wifi que era tipo um smartphone que nunca consegui fazer ligações nele [Escolha errada da viagem número 1]. Se eu tivesse pesquisado um pouco ou pelo menos aberto o site da Pupuru teria visto que realmente é só com encomenda.

Não achei a máquina do PASMO então não pude trocar no aeroporto.

Esperamos um pouco e a Luana (que veio num vôo separado) chegou, trocou o rail pass e fomos comprar a passagem do limousine bus que também tinha uma fila quilométrica para pagar.
Acabou que saímos do aeroporto em torno de 4-5 da tarde e só chegamos no apartamento umas 8-9hs da noite [Escolha errada da viagem número 2], ficamos presas num trânsito infernal e descemos no Hilton Shinjuku que era a parada mais próxima do nosso apartamento.
De lá, pegamos dois taxis (não cabia 4 moças e suas malas só em um) e passamos uns bons 10 minutos enchendo o saco dos taxistas para ter certeza que eles levaram a gente para o lugar correto.

Nós alugamos um apartamento no Airbnb por motivos de GRANA e porque eu particularmente acho um apartamento bem mais confortável do que um hotel. O apartamento que alugamos foi esse aqui e as 11 diárias para 4 meninas saiu em torno de R$3.700! Tinha um representante da empresa que aluga os apartamentos lá esperando e ele explicou tudinho como funciona enquanto jogávamos nossas coisas num canto e só queríamos tomar um banho.

Como eu sou uma pessoa cansada, tomei banho e fiquei no apartamento enquanto as meninas saíram pra desbravar a rua.

Pelo menos trouxeram uma comidinha esperta!

No meu itinerário inicial nós iríamos no Pokémon Center mega Tokyo, mas ele não considerou perder 4 horas no trânsito de Tóquio, então tivemos que cancelar essa parte.

E foi isso! Um pouco de turbulência em comparação com o que havia planejado mas nada desesperador! Nossas aventuras começam mesmo no dia 2, aguardem cenas do próximo capítulo!

Até mais!
Luciana

0 comentários: